CONFIRA

Com jogadores do basquete, judô, futebol de 7, atletas da base, do remo...

domingo, 26 de maio de 2013

Profissional | Começou a festa... Mas faltou o gol!


Flamengo e Santos se enfrentaram na tarde deste domingo, no estádio Mané Garrincha, pela estréia de ambas equipes no Campeonato Brasileiro. Confiram o pós-jogo, contando como foi a partida e o que deu pra se perceber do Flamengo no primeiro jogo do Brasileirão, que tem tudo pra ser um dos maiores, se não o maior campeonato nacional de todos os tempos:

Enfim, começou o Brasileirão! A bola rolou nos quatro cantos do Brasil. Os olhos de cada torcedor vidrados no gramado. Agora é pra valer. Só os grandes vão prevalecer. E não são poucos... O Brasileiro, que há muito tempo está na lista dos mais competitivos do mundo, este ano, vem pra mostrar que futebol se ganha no campo, com fortes times e jogadores de alto nível.

Para nós, um só jogo interessou nessa rodada. No estádio Mané Garrincha, Flamengo e Santos se enfrentaram, diante de um excelente público. O mandante era o Santos, e por isso, o clube paulista ficará com a renda da partida. Mas vamos combinar... foi jogo de uma torcida só. Em uma partida que deveria ter as arquibancadas lotadas de santistas, para a despedida de Neymar, jovem ídolo do elenco atual, na verdade, teve uma massa vermelha e preta. A partida entrou para a história como a maior renda adquirida em um jogo de futebol no Brasil. Se olhando de cima, o vermelho predominava. A Nação Rubro-Negra lotou e fez uma festa a parte. Como bem disse uma internauta, na rede social twitter: "o brilho da Nação, camuflou os refletores", que vieram a se apagar durante alguns rápidos minutos no primeiro tempo.

Dentro das quatro linhas, durante a primeira etapa, se deu pra perceber um Flamengo diferente. E para melhor. A equipe, que foi eliminada sem sequer chegar a semifinal da Taça Rio, enfim, achou o posicionamento ideal. Nos primeiros 45 minutos, a atuação dos Rubro-Negros foi impecável, quanto a marcação e ao posicionamento. Por várias vezes, os jogadores do Flamengo sairam de frente com o goleiro, penetrando na zaga santista, e o gol só não saiu por ironia do destino, ou talvez por falta de capricho. Destaque  individual para Gabriel, que deitou e rolou no lado direito do ataque Rubro-Negro. Faltou calma pra finalizar algumas vezes, mas mostrou que tem talento.

Na segunda etapa, o ritmo caiu um pouco. Marcelo Moreno entrou e mostrou que tem potencial. Participou de algumas jogadas e inclusive marcou um gol, mas estava com um pé a frente da linha da zaga alvinegra. Ainda falta um pouco de ritmo... nada que alguns treinos não resolvam. Carlos Eduardo foi a baixa do jogo, novamente. Bastante tempo depois de atuar pela última vez, ele entrou em campo na segunda etapa e novamente deixou a desejar. Em um dos lances, inclusive, ele ficou sozinho na área, em diagonal ao gol, que estava sem goleiro, mas chutou pra fora. Como tem aquela história de quem não faz, leva, o Santos passou a jogar. Mas o ditado ficou pela metade, graças a Renato Santos e González, que tiveram uma atuação quase perfeita. O primeiro, foi impecável nos desarmes e apagou Neymar em seu jogo de despedida do time do Santos. O segundo, por sua vez, ganhou praticamente todas nas jogadas aéreas.

O restante da equipe fez uma atuação dentro do normal. Felipe, foi seguro sempre que exigido. Ramon e Léo Moura não comprometeram na lateral. O segundo, cansou no segundo tempo, o que vem sendo costume. Paulinho entrou quase no fim e pouco fez, mas pareceu estar preparado táticamente. Jogou bem sem a bola. Ao time em geral, ficou a sensação de que poderia ter ganho. Porém, um empate com um time grande, jogando como visitante, não é de se jogar fora. O empate em 0 x 0 não mostrou o que aconteceu de fato na partida. A melhora foi notável... faltou o gol.

Agora, o Flamengo enfrenta o time da Ponte Preta, pela segunda rodada, em Juíz de Fora/MG, na quarta-feira, às 21:00h. De certo, novamente iremos contar com o apoio da Nação, que deu um show hoje e com certeza irá comparecer novamente em grande número, na cidade mineira. Que Jorginho possa acertar os detalhes que faltam, para enfim o Flamengo vencer e embalar no Brasileirão. Foi só a primeira rodada. Vamos, Flamengo! Estaremos contigo... Rumo ao Hepta! Saudações Rubro-Negras!

0 comentários:

AGENDA

SEJA SÓCIO!

ACESSE

TWITTER

SIGA-NOS

VOTE

+ DA SEMANA

VISUALIZAÇÕES DO BLOG

Entre em contato: iflamengonews@gmail.com